quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

CASO ROSEGATE - Lula tem conversado com Rosemary e políticos garantem que escândalo não acabou

Bomba-relógio – Ministro da Justiça, o petista José Eduardo Martins Cardozo afirmou durante audiência no Senado Federal, quando detalhou a Operação Porto Seguro, que ficou provado que não houve qualquer participação do ex-presidente Lula no mais novo escândalo di governo do PT.
A afirmação de Cardozo só foi possível porque o Palácio do Planalto, no intuito de evitar uma nova e enorme crise e preservar o pouco que sobrou da imagem de Lula, decidiu subtrair do inquérito da Polícia Federal as gravações dos 122 telefonemas entre o ex-presidente e Rosemary Nóvoa de Noronha, então chefe de gabinete do escritório da Presidência na capital paulista.
Para contrapor a afirmação nada convincente do ministro da Justiça, Lula conseguiu estabelecer um canal de comunicação com Rosemary, que se apresentava como sua namorada, para tentar acalmá-la.
Deputados e senadores, oposicionistas e da situação, que conversaram com oucho.info na tarde de quarta-feira (5) disseram que mais coisas devem surgir na esteira do recente escândalo descoberto pela Porto Seguro. Disseram, quase uníssonos, que não sabem se a presidente Dilma Rousseff suportará o tranco. Sem contar que evitar a criação da CPI da Rosemary custará muitos cargos e benesses ao governo.

Um comentário:

  1. "Há tantos burros mandando em homens de inteligência, que, às vezes, fico pensando que a burrice é uma ciência."

    ResponderExcluir

Anônimos não serão publicados