sábado, 9 de novembro de 2013

Neudo Campos (PP - RO) - Condenado a 51 anos de prisão quer concorrer a vaga na câmara

Levantamento do Supremo Tribunal Federal aponta o ex-governador de Roraima e ex-deputadofederal Neudo Campos (PP) como o político com a ficha mais suja do Brasil. Campos é réu em seis ações penais e catorze inquéritos criminais apenas no STF, todos por peculato (apropriação indevida de dinheiro público). Responde ainda a sete ações penais no Tribunal Regional Federal por crimes de quadrilha, peculato e improbidade. Suas condenações em primeira instância já somam 51 anos de prisão. Sem mandato desde 2010, Campos quer concorrer a uma vaga na Câmara, mas deve ter a candidatura impugnada. 

Holofote
Sérgio Cabral 
Veja – 16/10

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Anônimos não serão publicados