quinta-feira, 10 de outubro de 2013

RENAN - Sempre ele

O presidente do Senado, Renan Calheiros, precisa explicar por que não suspendeu antes o pagamento de supersalários a 456 marajás. Se estava disposto, como demonstrou, a adotar tão prontamente a decisão do TCU, ordenando o fim da farra, deveria ter tomado a iniciativa antes.
Coluna de Claudio Humberto – em 29/09

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Anônimos não serão publicados