segunda-feira, 23 de setembro de 2013

Collor entra com embargos infringentes para voltar à presidência

CASA DA DINDA - Animado com o precedente aberto ontem pelo STF, o ex-presidente Fernando Collor entrou com embargos infringentes para que a Câmara dos Deputados vote novamente o seu impeachment. "Minha gente, minha cassação se deu a arrepio da lei, os pés descalços foram iludidos por meia dúzia de marajás engravatados, fui apeado do poder sem o amparo da nossa sagrada Constituição", disse, resoluto, fazendo o sinal da cruz.
Abraçado a Renan Calheiros, Collor se dirigiu a Joaquim Barbosa: "Exijo, com a mãozinha de vossa excelência, um negro libertador, voltar à presidência para retomar o meu mandato, que foi abortado. A agenda da modernização está encalhada, o país ainda parece uma carroça", bradou, batendo no peito e cerrando os punhos no ar..
Para tranquilizar os mercados, Collor garantiu que não confiscará o Bolsa Família e sublinhou que o Fiat Elba saiu de linha. 
Fonte: http://revistapiaui.estadao.com.br/blogs/herald/brasil/collor-entra-com-embargos-infringentes-para-voltar-a-presidencia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Anônimos não serão publicados