sábado, 23 de outubro de 2010

Serra volta a criticar postura de Lula após agressão

'A meu ver, o presidente da República dando aval a esse tipo de manifestação acaba estimulando que outras se repitam', reclamou

Estadão

O candidato do PSDB à Presidência da República, José Serra, voltou a criticar o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) pela postura diante da confusão ocorrida no Rio de Janeiro, quando foi acertado por objetos jogados por cabos eleitorais de Dilma Rousseff (PT) que trocavam empurrões com apoiadores da candidatura tucana. "A meu ver, o presidente da República dando aval a esse tipo de manifestação acaba estimulando que outras se repitam", reclamou, durante ato político hoje no qual recebeu apoio da senadora eleita Ana Amélia Lemos e do PP do Rio Grande do Sul.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Anônimos não serão publicados