quarta-feira, 30 de junho de 2010

Ameaça do Garotinho funcionou, TSE concedeu liminar


Garotinho poderá se candidatar, diz TSE

A corte concedeu liminar suspendendo decisão do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ) que havia considerado o ex-governador inelegível. O PR, partido do ex-governador, deverá, portanto, realizar Convenção nesta quarta-feira para oficializar o nome dele como candidato.

A defesa de Garotinho entrou com um pedido nesta terça no TSE para que a corte julgasse a ação cautelar para suspensão da sua inelegibilidade. O ministro Marcelo Ribeiro havia negado a liminar na semana passada porque o TRE-RJ ainda tinha embargos para julgar. Na segunda-feira, o tribunal fluminense manteve cassação do registro do ex-governador e de sua esposa Rosinha Garotinho. E a decisão sobre Garotinho ficou nas mãos do TSE.

Um comentário:

  1. Mas elle nem contou nada! $erá que e$$a notícia e$stá certa? Hehehehe!

    ResponderExcluir

Anônimos não serão publicados