sábado, 1 de maio de 2010

Time" nega que tenha escolhido Lula o líder mais influente do mundo

O orgasmo provocado pela revista TIME na esquerda da América Latina e no PT, colocando Mr.Da Silva no top dos mais influentes, foi motivo de gozação nos círculos da diplomacia internacional e, em especial, na comunidade de inteligência do primeiro mundo que avalia e acompanha os distúrbios causados no mapa geo-estratégico pela palhaçada do "cara", estimulada por Mr. Amorim e o historiador Mr. Garcia. (Brasil acima de tudo)
Uol Notícias

A revista "Time" negou no início da tarde desta quinta-feira (29) que tivesse colocado o presidente Luiz Inácio Lula da Silva como o primeiro em uma lista de líderes mais influentes do mundo.

Pela manhã, o site da revista norte-americana divulgou uma relação com os nomes dos 25 líderes mais influentes do mundo escolhidos pela publicação. A lista era numerada de 1 a 25, não estava em ordem alfabética, e colocava o presidente brasileiro em primeiro, ao lado do número 1. Na edição eletrônica da publicação, ao clicar na sessão "líderes", o internauta era direcionado automaticamente para um perfil de Lula escrito pelo cineasta Michael Moore.

O UOL e outros sites noticiosos brasileiros e internacionais divulgaram a informação que Lula havia sido escolhido o líder mais influente do mundo. A redação do UOL Notícias entrou em contato com o departamento de Relações Públicas da revista "Time", que negou que a lista numerada era um ranking. Segundo a assessoria, "a Time não faz distinção no nível de influência das 100 pessoas que aparecem na lista."

Após os questionamentos do UOL, o site da "Time" retirou os números na lista de líderes mais influentes do mundo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Anônimos não serão publicados