quinta-feira, 29 de abril de 2010

O Senado a Banda Larga e a voracidade dos políticos

Os políticos dominam os meios de comunicação do país, agora querem a INTERNET.

"A voracidade com que os políticos organizam negociatas e se apoderam do bem público em detrimento da coletividade é uma manifestação predatória e fanática do poder. É expressão de um narcisismo maligno que desrespeita a coletividade e coloca multidões na miséria e no desamparo" - Sergio Telles


Senado entra na disputa por internet rápida sem fio

da Folha Online

Hoje na Folha Operadoras de celular e empresas de TV por assinatura disputam a tecnologia Wimax, que permite a oferta de banda larga sem fio, até agora não liberada pela Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações). O Senado criou grupo de trabalho para acompanhar o assunto, informa reportagem de Elvira Lobato, publicada nesta quinta-feira pela Folha.

O presidente da Comissão de Ciência e Tecnologia do Senado, Flexa Ribeiro (PSDB-PA), criou um grupo de trabalho para acompanhar a consulta pública da Anatel para um novo regulamento para o MMDS. A proposta prevê reduzir de 190 para 50 o total de canais reservados ao serviço. A Neotec, associação que representa as empresas de MMDS, propôs à Anatel a redução para 90 canais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Anônimos não serão publicados