quinta-feira, 4 de março de 2010

Projeto analisa ministros para mostrar lentidão do STF

Um projeto lançado na quarta-feira pela organização não-governamental (ONG) Transparência Brasil mostra que um dos principais fatores para a lentidão processual no Supremo Tribunal Federal está no tempo em que os ministros demoram para analisar os recursos. Enquanto um ministro como Eros Grau precisa de cerca de 20 semanas para analisar um recurso, a ministra Ellen Gracie leva 51 semanas. As informações são do jornal Folha de S.Paulo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Anônimos não serão publicados