quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

Terremoto mata Zilda Arns no Haiti


Zilda Arns: uma vida dedicada ao próximo

  • Arquivo Folha Imagem

    Zilda participava de missão humanitária e está entre as vítimas do terremoto.

Médica pediatra e sanitarista, era fundadora e coordenadora da Pastoral da Criança e da Pastoral da Pessoa Idosa, órgão de Ação Social da CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil). A Pastoral estima que cerca de 2 milhões de crianças e mais de 80 mil gestantes sejam acompanhadas todos os meses pela entidade em ações básicas de saúde, nutrição, educação e cidadania. Zilda Arns foi indicada por três vezes ao Prêmio Nobel da Paz.

Este blog esta de luto pela morte desta digna brasileira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Anônimos não serão publicados