domingo, 31 de janeiro de 2010

Mais um blog sob censura judicial, desta vez o Blog do Barata


Visitem, mas sem comentários - http://novoblogdobarata.blogspot.com

Por determinação da juíza Luana de Nazareth Santalices, da 1ª Vara do Juizado Especial Civil, estou proibido de fazer qualquer alusão, referência ou ilação, direta e indiretamente, à imagem e ao nome de Martinho Carmona, deputado estadual (ex-PSDB, ex-PDT, hoje PMDB), que é também pastor de uma certa Igreja do Evangelho Quadrangular. Por isso, trato de advertir aos internautas que acessam o Blog do Barata que, em princípio e pelo menos enquanto perdurar essa censura judicial, a proibição presumivelmente se estende aos comentários, anônimos ou não.

4 comentários:

  1. Esta censura pode, e deve, ser combatida com medidas bastante simples. Para isso deveriamos criar uma rede de blogs em açao. Algo que os petistas fazem muito bem. Uniao!

    Cada blog censurado, teria os textos que causaram a censura replicados em toda a rede. Logo, os perseguidores desistiriam de solicitar a censura pois seria impossivel conter todos os blogs. A menos que o perseguidor levasse à justiça centenas de blogueiros.

    Infelizmente nao somos organizados. E é por isso que o Brasil esta tomando o rumo que esta tomando. Nao somos capazes de nos unir a dar um basta nisso.

    ResponderExcluir
  2. E a Lei do presidente "democrático", akele mesmo que lutava contra os militares e fez das atitudes deles o seu meio de calar quem possa falar a verdade do que realmente vem acontecendo. Toffoli ta la na suprema corte para balizar todos os juizes que "entenderem" o que jamais quis a lei dizer!!
    E ainda teve o descaramento de chamar tal lei de "direitos humanos".

    Um verdadeiro Brasil de idiotas, para idiotas e pelos idiotas!

    ResponderExcluir
  3. Párá é terra tambem do jornalista Lucio Flavio Pinto, que responde a processos de um jornal impresso local, o liberal por dizer a verdade a RESPEITO DE SEUS DONOS, em seu tabloide JORNAL PESSOAL. Ocorre que Lucio Flavio, expert em amazonia, ate agora nao se manifestou em solidariadade ao seu colega. Isso é ruim, fortalece o outro lado.Mas bom saber que o Brasil é tao grande e tem outros "malucos" que nao se intimidam.Augusto Barata, à época da ditadura, subiu em palanque de governo ditador com uma camisa ver5melha.Ao lado dos caras e com uma palteia imensa, a policia nada podia fazer.Era época de "abertura".Todos temeram por ele na época.Ironioa do destino...a cor vermelha hoje é só de vergonha desses politicoa que governam o Pará.
    Luciana
    Se enfraquecer, eles crescem.Avante.

    ResponderExcluir

Anônimos não serão publicados