sábado, 30 de janeiro de 2010

Censura ao 'Estado não é questão política', diz Dilma


Ministra come salgadinho com participantes da Campus Party, em São Paulo

Paulo Liebert/AE

Ministra come salgadinho com participantes da Campus Party, em São Paulo

SÃO PAULO - A ministra-chefe da Casa Civil e pré-candidata do PT à Presidência da República, Dilma Rousseff, esteve nesta sexta-feira, 29, na Campus Party, em São Paulo, onde concedeu entrevista a jornalistas e blogueiros sobre os planos e visões do governo federal a respeito da inclusão digital no Brasil. Para a petista, "o que a internet permite é a diversidade de opiniões se manifestar e aparecer." "A pessoa que tem acesso à informação viabiliza a democracia, por ter informações referenciadas e diferenciadas. É a formação de um País."

Entretanto, questionada sobre a censura imposta ao jornal O Estado de S.Paulo há 182 dias, Dilma afirmou: "A questão é no judiciário, não no executivo, tem que preservar o direito de intimidade, que está garantido na Constituição.
. Isso não é uma questão política", explica Dilma. Antes, durante e depois da coletiva, alguns participantes do evento protestaram contra a ministra.

Essa candidata não sabe o que fala!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Anônimos não serão publicados