quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Polícia vê "interesse pessoal" de ex-ministro no caso Francenildo

27/08/2009 - 08h06 da Folha de S.Paulo
O inquérito da Polícia Federal que resultou no indiciamento do ex-ministro da Fazenda Antonio Palocci Filho (PT-SP) não conseguiu obter prova cabal de que a ordem para a quebra do sigilo do caseiro Francenildo dos Santos Costa partiu de Palocci, mas colheu depoimentos, documentos e registros de telefonemas que, segundo a PF, apontam com segurança para a hipótese.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Anônimos não serão publicados